Início Oeiras Nadador Miguel Nascimento bate recorde nacional dos 50 metros livres

Nadador Miguel Nascimento bate recorde nacional dos 50 metros livres

27
Nadador Miguel Nascimento bate recorde nacional dos 50 metros livres | Imagem : SIC

O nadador do Benfica Miguel Nascimento bateu hoje o recorde dos 50 metros livres, na primeira metade da final dos 100 livres, que venceu no Campeonato Nacional de Juvenis e Absolutos Jamor 2022.

Mais tarde, o último dia de provas, no complexo de piscinas do Jamor, registou ainda o recorde da estafeta de 4×100 estilos, para um quarteto sportinguista formado por Francisco Santos, Francisco Quintas, Tiago Costa e Gustavo Ribeiro.

Um dia depois de ter igualado o recorde dos 50 livres, com 22,01 segundos, Nascimento tornou-se hoje o primeiro português a chegar à casa dos 21 segundos, registando 21,90.

Nascimento supera assim a marca de referência para os Jogos Olímpicos de Paris2024 (21,94), que terá de confirmar mais tarde.

A encerrar o programa de competições, o Sporting bateu o recorde nacional dos 4×100 estilos ao concluir a prova com a marca de 3.43,87 minutos, melhorando o anterior máximo que já pertencia aos ‘leões’, com 3.44,22, desde abril de 2019, também no Jamor, em Oeiras.

A estafeta do Sporting de Braga de juvenis A bateu o recorde do escalão dos 4×50 estilos, com a marca de 1.59,55. O anterior máximo pertencia ao Algés e Dafundo, com 1.59,59.

Nos 800 livres, Diana Durães (Benfica) venceu em 8.36,93 minutos, à frente da bracarense Tamila Holub (8.46,64). Foi a terceira vitória para a nadadora do Benfica, que já se impusera nos 400 livres e 400 estilos, além de ser segunda nos 200 livres.

Pedro Santos (FC Porto) superiorizou-se a Diogo Cardoso (Sporting), terminando em 8.20,01, nos 800 livres masculinos.
Vitória nos 200 mariposa para Inês Henriques (Sporting), com 2.16,78, à frente da espanhola Jimena Peréz Blanco.

Na prova masculina, dominou o júnior portista Kevins Apseniece, com 2.01,90, a 44 centésimos do recorde nacional de juniores. Porfírio Nunes, também do FC Porto, foi segundo.

Francisca Martins (Foca Quinta Da Lixa) fez a ‘dobradinha’ nos 100 e 200 livres. Depois de vencer os 200 livres, com recorde nacional absoluto, na quinta-feira, triunfou hoje destacada nos 100 livres com 57,02, à frente de Carolina Fernandes (Galitos/Bresimar).

Nos homens, Tiago Costa (Sporting) venceu com 53,13 segundos, seguido de Gustavo Ribeiro (Sporting) e de Diogo Lebre (Benfica). Foi nesta prova que Miguel Nascimento superou o recorde nacional absolutos dos 50 livres, na passagem.

Imagem: DR SIC